Estado de Goiás

 

 

Ementa

Movimento em uma, duas e três dimensões; Leis de Newton e aplicações; Trabalho e energia; Conservação da energia; Sistemas de partículas; Colisões; Rotação de um corpo rígido em torno de um eixo; Rotação no espaço. Fluidos; Temperatura; Calor e 1ª lei da Termodinâmica; Teoria cinética dos gases; 2ª lei da Termodinâmica e entropia; Oscilações; Ondas; Movimento ondulatório; Ondas sonoras; Óptica Geométrica. Carga Elétrica; Campo elétrico; Lei de Gauss; Potencial elétrico, capacitores e dielétricos; Corrente e resistência; Força eletromotriz e circuitos; Campo magnético; Lei de Àmpere; Lei de Faraday; Indutância; Magnetismo em meios materiais; Correntes alternadas. Gravitação; Noções de relatividade especial; Equações de Maxwell e ondas eletromagnéticas; Interferência e difração; Natureza e propagação da luz; Noções de Física Moderna.

 

Carga horária

120 horas / 08 créditos

 

Bibliografia básica

CALÇADA, Caio; SAMPAIO, José L. Física. Volume único. Atual Editora, 2005.

 

HALLIDAY, David; RESNICK, Robert; WALKER, Jearl. Fundamentos da Física. Volumes 1, 2, 3 e 4. 9ª Edição. LTC – Livros Técnicos e Científicos, 2012.

 

MIGUEL, Alaor Faria. Física Aplicada. Anápolis/GO. PEAR-UNUEaD/UEG, 2012.

 

Objetivos

Dominar princípios gerais e fundamentos da Física, familiarizado-se com suas áreas clássicas e modernas.

Descrever e explicar fenômenos naturais, processos e equipamentos tecnológicos em termos de conceitos, teorias e princípios físicos gerais.

Diagnosticar, formular e encaminhar a solução de problemas físicos, experimentais ou teóricos, práticos ou abstratos, fazendo uso dos instrumentos laboratoriais ou matemáticos apropriados.

Manter atualizada sua cultura científica geral e sua cultura técnica profissional específica.

Desenvolver uma ética de atuação profissional e a consequente responsabilidade social, compreendendo a Ciência como conhecimento histórico, desenvolvido em diferentes contextos sociopolíticos, culturais e econômicos.

Utilizar a Matemática como uma linguagem para a expressão dos fenômenos naturais.

Resolver problemas experimentais, desde seu reconhecimento e a realização de medições, até a análise de resultados.

Propor, elaborar e utilizar modelos físicos, reconhecendo seus domínios de validade.

Concentrar esforços e persistir na busca de soluções para problemas de solução elaborada e complexa.

Utilizar a linguagem científica na expressão de conceitos físicos, na descrição de procedimentos de trabalhos científicos e na divulgação de seus resultados.

Utilizar os diversos recursos da Informática, dispondo de noções de linguagem computacional.

Conhecer e absorver novas técnicas, métodos ou uso de instrumentos, seja em medições ou em análise de dados (teóricos ou experimentais).

Reconhecer as relações do desenvolvimento da Física com outras áreas do saber, tecnologias e instâncias sociais, especialmente contemporâneas;

Apresentar resultados científicos em distintas formas de expressão, tais como relatórios, trabalhos para publicação, seminários e palestras.

 

Professor responsável

João Alves Bento